Presidente do TRE-MG ressalta importância da fiscalização das contas eleitorais no combate à corrupção

O presidente do TRE, desembargador Wander Marotta, disse, nesta terça-feira (10), que a fiscalização das contas de campanha é parte fundamental no combate à corrupção eleitoral. Ao abrir o Seminário Contas de Campanha – Uma abordagem sobre Normas e Sistemas das Contas de Campanha, no auditório do Tribunal de Contas do Estado (TCEMG), Marotta ressaltou a necessidade de se incentivar medidas que permitam auditagem e controle para se evitar o abuso do poder político, econômico e administrativo. “O tema está diretamente conectado com a missão da Justiça Eleitoral de lutar contra a corrupção”, disse.

O Seminário abordou pela manhã as normas relacionadas ao financiamento e prestação de contas de campanha, com palestras proferidas pela secretária de controle interno, Nara Lopes, e pelo coordenador de controle de contas eleitorais e partidárias do TRE-MG, Júlio Diniz. A secretária Nara Lopes informou aos participantes que, a partir da segunda quinzena de junho, o site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) colocará à disposição dos interessados curso à distância sobre prestação de contas de campanha.

Pela tarde, o evento apresenta aos participantes o Sistema de Prestação de Contas Eleitorais (SPCE Cadastro), com orientações ministradas pelos servidores do TRE, Vanessa Miranda e Vinícius Ordones (chefe da Seção de Auditoria e Fiscalização de Contas Eleitorais).

Também estiveram presentes na abertura do evento o diretor geral do TRE, Adriano Denardi e a presidente do TCEMG, conselheira Adriene Andrade.

Caio Vitor Advogado